(( k_f)) a chave da ignorância

Ela era uma ótima pessoa de 8 às 18h. Era o que dizia, ali na fila, em alto e bom tom, para quem quisesse e para quem não quisesse ouvir. Das 8 às 18h atendia a todos os seus clientes sorrindo. Sorria por obrigação, por dever, porque assim vendia mais. Que beleza. Mas, às 19h, ela já se tornava cliente de outro estabelecimento. Uma delícia essa sensação – a fazia sempre formigar nas pontas dos dedos, como se estivesse indo a uma festa. Quando ia fazer compras em outra loja (ou em qualquer botequinho), aquela mulher estava livre para ser quem é de verdade: uma pessoa cinza, irritante, mal-educada, que ofende os que a servem, só porque está na posição de quem paga. A chave da ignorância tem a forma dourada de um cartão de crédito.

Anúncios

Autor: katherinefunke

http://twitter.com/micronotas

4 comentários em “(( k_f)) a chave da ignorância”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s